Minna Suki!

Avalie este item
(11 votos)

Muitos provavelmente já devem ter reclamado e culpado o anime X em não possuir a continuação aos estúdios e os otakus. Mas de fato eles são principais responsáveis? Tentarei expor de maneira fácil como esse mercado funciona.

Antes de mais nada, vou restringir as coisas relatado neste artigo aqui apenas sobre os animes de madrugada, os que passam em horário nobre ou de manhã, funciona de forma meio diferente.

Muitos já devem ter perguntado, mesmo que o estúdio x ou y fizer animes ruins um atrás da outra e que esses simplesmente não vendam, como que os estúdios conseguem sobreviver? Na verdade eles nunca tem prejuizo em produzir os animes. E também mesmo que venda bastante como Bakemonogatari (entorno de 70 mil cópias por volume), não serão os estúdios que ficarão com maior parte do lucro. Sim você já deve ter percebido, não são estúdios que decidem se vai produzir anime x ou y e muito menos são eles que bancam o custo de produção, mas sim as produtoras que bancam os animes que decidem se vai produzir anime x ou y.

Avalie este item
(1 Votar)

Este texto baseia-se no meu conhecimento. No entanto pode não ser a realidade. Ou seja, fique a vontade para criticar o texto se quiserem.

Talvez ver personagens frouxos e ver anime sem final devem ser uma das coisas que mais irritam aqueles que assistem o anime. Especialmente aqueles animes de comédias românticas que ficam de inicio ao fim na enrolação e para complementar não tem o final, ou seja, o protagonista não escolhe ninguém. Pior é que as garotas do anime (na maioria dos casos é triângulo amoroso) ficam dando indiretas que está mais para direta, mas o protagonista frouxo é tão frouxo que não percebe, mesmo quando percebe é tão frouxo que deixa passar as situações. Dependendo do anime, como protagonista fica na enrolação quem acaba sofrendo são as garotas. Alías elas são candidatas a concorrerem o prêmio de insistência. Sinceramente, eu sempre me pergunto como essa garota ai ainda não desistiu do cara?

Avalie este item
(1 Votar)

Olá, pessoal.

No fórum do Minna Suki!, teve votação para os animes preferidos do ano de 2012. Tinham 35 animes que estavam concorrendo, no qual, está lista foi construída com os melhores votados da votação de melhor anime de cada temporada de 2012 do fórum. Cada comunidade acaba tendo resultado bem peculiar da outra, isso é bem normal, então venho compartilhar o resultado do mesmo. Cada usuário podia votar em 5 animes, no qual, a primeira posição valia 5 pontos, e segunda posição 4 pontos e assim sucessivamente. No total tivemos 59 votos válidos. A seguir o resultado.

O link da página onde ocorreu a votação: http://forum.minnasuki.com/thread-1073.html

İmage

E você concorda com essa lista? Se não paricipou esse ano não deixe de participar do ano que vem.

Quinta, 07 Julho 2011 20:53

Review de anime: A-Channel

Escrito por
Avalie este item
(1 Votar)

Olá, pessoal.

Hoje estou trazendo mais um review.

Como muitos devem saber, nossos reviews contêm spoiler. No entanto, só leia se assistiu ou se não pretende assistir.

Bem vamos ao que interessa.

Vocês lembram-se do estúdio GONZO? Que estava financeiramente quebrada? Alías, o estúdio esta voltando aos poucos, como pode ver temos um anime confirmado para temporada de outubro: A segunda temporada de Last Exile: Ginoku no Fam. Ai vocês vão me dizer o que tem a ver com A-Channel.

Avalie este item
(1 Votar)

Olá, pessoal.
Antes de mais nada tenho pedido a vocês. Não sei se repararam, em nossos artogos tem esse botão . Esse botão é google +1, que é utilizado por google, como um dos fatores para determinar a relevância de uma pagina na internet. Ou seja, se tiver muitos cliques em google +1, o artigo em questão terá maior relevância para motor de busca google. Simplificando, se você quer ver esse blog crescendo. Não deixe de clicar no botão google +1.

Ps. Não necessita de nenhum registro, se você tem conta no google, como orkut ou gmail, já é suficiente.

Bem vamos ao que interessa. Antes de iniciar quero alertar que este review contém spoiler. Então se você não assistiu não perca tempo, vá lá assistir primeiro. O anime é curto tem apenas 12 episódios, no qual um dia é suficiente para assistir tudo. Além de que para quem gosta de drama, está perdendo um grande anime. Se você é novo no mundo dos animes e gostaria de assistir outras obras do gênero drama então não deixe de olhar as recomendações dos nossos colegas.

Sexta, 17 Junho 2011 00:00

Review de anime: ef - a tale of melodies : Bad end?

Escrito por
Avalie este item
(0 votos)

Primeiro review de anime. Começando por anime que estreou no dia 6 de outubro de 2008. O ef - a tale of melodies. Este anime é a segunda temporada do anime ef - a tale of memories. Eu não irei fazer o review da primeira temporada. Já que tem um monte por aí, e só dar uma procurada no google que acha de monte. Neste review irá conter spoiler, se quiser um review bom e sem spoiler recomendo que leia o review do blog parceiro a NETOIN!.

Os reviews deste site é bem parcial. Saiba que este site é mais um blog do que um site. Não espere algo muito imparcial desse site.

Escolhi este anime, pois depois de ter assistido não tive coragem de sair por ai opinar sobre este anime. Alías eu não tinha opinião formada se tinha gostado ou detestado. O assunto tratado no anime difere muito da brilhante primeira temporada. A primeira temporada conta uma história bem mais inocente como triângulo amoroso e de uma garota que perde as memórias depois de cada 13 horas e que no fim termina de forma happy end. O anime é perfeito em todos os sentidos, enredo, partes técnicas, BGM e as músicas. Mesmo sendo anime de 2007, provavelmente é um dos animes mais lindo artisticamente, e pouco anime que chega na qualidade deste. O anime é adaptação de um visual novel da Minori (ef - a fairy tale of the two.). Eu joguei a primeira parte do visual novel, a ef - the first tale. e surpreendi com a qualidade de adaptação que o estúdio Shaft fez com esse jogo. Com certeza se fosse qualquer estúdio por aí, a primeira temporada jamais seria um AAA, e nem teria toda essa popularidade. Só que a Shaft fez dessa adaptação uma obra prima, fazendo as modificações necessárias de forma precisa. Os quem assistiram, muito provavelmente lembram daquela cena de cabine de telefone público, aquela cena não existe no jogo, mas aquelas falas sim, mas no jogo é apresentando bem mais no inicio numa praia e não tem um décimo de impacto que a versão anime teve.

Você está aqui: Home Anime