Minna Suki!

Sexta, 15 Junho 2012 02:31

Visual Novel: Supipara - Story #01 Spring Has Come!

Escrito por
Avalie este item
(4 votos)

Supipara - Story #01 Spring Has Come!

Nota no VNDB: 9.5/10
Nota no Erogamescape: 80/100

All Route Complete.

Antes de mais nada, esse não é erogame, ou seja, não tem cenas hentais, e também não tem restrição de idade. A minori é conhecida como uma das empresas que fazem ótimo trabalho nas partes técnicas e nos CGs. E dessa vez também não decepcionou, cenários são extremamente detalhados, sem contar que os olhos, a boca e a expressão fácil muda conforme a fala e tem partes que os cabelos tbm se mechem.

Sábado, 21 Abril 2012 17:12

Visual Novel: Rewrite

Escrito por
Avalie este item
(2 votos)
[Imagem: 5uHvh.png]


Rewrite

Ps. Neste review contém spoiler do jogo, leia por sua conta e risco!

Definitivamente pra mim é pior jogo da Key. Dizer que não tem elementos Key é mentira, mas elementos que eu gostava da Key não se encontra nessa obra. Eu não joguei Kanon e Air, mas mesmo assim tenho noção do que se trata olhando o anime.

Falando em anime, eu me pouco importo em qual estúdio será adaptado isso aqui. Provavelmente nem lembrarei da história direito daqui a alguns meses. O jogo não me marcou em nada. Mesmo que seja adaptado pela KyoAni, provavelmente nem assistirei. Não achei a história grande coisa para rever isso, além de não ter gostado quase nenhuma personagem em sí. Além de que esse jogo também não é tão facilmente adaptável, tem vários problemas para adaptar isso aqui como tem em Little Busters!.

Voltando para o jogo, levei vários meses para terminar, não tem nada nesse jogo que faz querer jogar sem parar. E diferente de estar jogando, Little Busters!, G-Senjou no Maou, Aiyoku no Eustia, 11 eyes etc. que vc simplesmente não sai mais do PC. O jogo fica lá falando sobre o problema do planeta tais como aquecimento global, recursos naturais escassos, problemas sociais (violência, guerra, fome), fim do mundo etc. Imagina ter que ficar ouvindo isso em todas as rotas? Na última rota, em várias partes usei skip, sinceramente, ficar ouvindo bla bla bla não dá.

Quinta, 12 Janeiro 2012 00:51

Visual Novel: Hyper→Highspeed→Genius

Escrito por
Avalie este item
(0 votos)
[Imagem: 7Lnar.jpg]


Finalmente terminei Hyper→Highspeed→Genius

Nota no VNDB: 7.68/10
Nota no Erogamescape: 78/100

all rote complete.

Comecei jogar no dia 25/06/11, e consegui enrolar até hoje. O problema é que o jogo não era ruim o suficiente para desinstalar do PC, mas não tão bom para ficar jogando em seguida. Jogava algumas horas a cada semana, e havia várias semanas que nem tocava nesse jogo. No fim só acabei terminando depois de 6 meses. O que fazia eu não desinstalar o jogo é que o true rote só aparece depois de ter terminado três outras rotas principais. Tem rotas para personagens secundárias também, mas são bem curtas. Ter essas rotas foi ponto positivo mesmo sendo extremamente curtos. Já que elas são bastante carismáticas, mais do que as principais. Pelo menos foi o que eu achei. O fato de true rote só aparecer depois de ter concluídas as outras rotas, faz você jogar as outras rotas mesmo que não goste só para poder ver o true end.

Terça, 03 Janeiro 2012 03:01

Visual Novel: Demo de Hatsuyuki Sakura

Escrito por
Avalie este item
(1 Votar)
[Imagem: akUjy.jpg]


Data de lançamento: 24/02/2012

Um novo VN da produtora Saga Planets parece ser produtora famosa, mas essa produtora não é tão famosa assim como a August, por exemplo. Mas ficou bastante conhecida com o VN Natsuyume Nagisa que possui grande originalidade, mesmo sendo totalmente fantasia. Com toque de drama e o fim mais para Bad End que te marca e você não vai esquecer desse jogo de um dia para outra. Isso acarreta em sede de querer mais jogo do tipo. O jogo lançado posteriormente chamada de Kisaragi-GOLD★STAR~Moonlight serenade in autumn, não conseguiu atingir o mesmo nível da antecessora. E agora todos estão ansiosos se o mais novo jogo dessa produtora poderá trazer a mesma experiencia da Natsuyume Nagisa.

Segunda, 02 Janeiro 2012 15:03

Visual Novel: Shunki Gentei Poco a Poco!

Escrito por
Avalie este item
(0 votos)
[Imagem: 10d5gsm.jpg]


Nota no Erogemescape: 77/100
Nota no vndb: 7.38/10

Faz tempo que não termino nenhum jogo. Se bem que esse era bem curto comparando com outros jogos. Só que isso era óbvio pelo preço que estavam cobrando. Custando 2/3 comparando com maioria, normalmente as produtoras cobram menos dos jogos que são mais curtas.

Na verdade o jogo não é tão antigo, foi lançado no dia 25/11/2011. Então é mais fácil dizer que é bem recente. O jogo usa o mesmo cliche que vocês estão cansado de ver por aí, superação da morte de alguém. Inclusive tivemos um anime como algo parecido como Ano Hana. Se bem que a história como todo é bem diferente. Como já disse anteriormente, o jogo é curto, no entanto tem poucas rotas também. Nesse caso apenas 3. Mas ser curto foi ponto positivo. Não teve enrolação, muitos VNs ta cheio de encheção de linguiça que ninguém merece. Nesse não teve isso.

Teve um pouco de drama, mas nada que vai fazer você derramar lágrimas. Mas mesmo assim, é dramatico o suficiente para satisfazer as pessoas que gostam desse gênero. Personagens são bastante carismaticas, com comédia.

Quarta, 22 Junho 2011 18:36

Visual Novel: Lançamento do Rewrite e Playing Status

Escrito por
Avalie este item
(0 votos)

Estamos chegando perto do dia 24 desse mês. E com certeza será um dos dias mais importante e marcante deste ano para os fãs de visua novel. O dia 24 marca o lançamento do mais novo jogo da Key Visual Arts o Rewrite que foi anunciado no dia 01/04/2009 como obra comemorativa de 20 anos de existência, ou seja, depois de mais de dois anos de desenvolvimento finalmente o jogo será lançado. Para quem não conhece a Key Visual Arts foi a produtora que fez o jogo Air, Kanon, Clannad e Little Busters!. No qual, os três primeiros foram adaptados para o anime pela Kyoto Animation. E também a produtora que forneceu o script (o enredo) do anime Angel Beats! escrito pelo Jun Maeda (funcionário da Key).

Porém essa obra marca o novo começo para Key Visual Arts, já que este jogo não tem a participação do Jun Maeda como roteirista do jogo, ou seja, ele não escreveu o script. Isso provavelmente aconteceu devido à participação no Angel Beats!. Já que durante a produção de Angel Beats! estava ocorrendo a produção do jogo. Os roteiristas desse novo jogos são compostos de Yuto Tonokawa, Romio Tanaka e RyuKishi Zero-Nana (07). Dos quais, apenas o Yuto Tonokawa fez Little Busters! e o resto dos roteiristas Romio Tanaka e RyuKishi Zero-Nana (07) não tiveram participação anterior em Key visual arts. Romio Tanaka não é tão famoso como roteirista, o que não pode dizer mesma coisa do Ryukishi 07. Ryukishi foi roteirista das obras Higurashi no Naku Koro ni, Umineko no Naku Koro ni e Ookami Kakushi. A participação do RyuKishi Zero-Nana (07) com certeza teve influência no jogo. Só olhar o vídeo a baixo que facilmente perceberá o clima sombrio que não fazia parte dos jogos da Key.

Avalie este item
(1 Votar)

Mais um review de visual novel. Dessa vez da produtora Rusk, no qual, o jogo chama Aster que foi lançadoi em 2007, e será relançado no dia 24 deste mês. É um jogo que dificilmente alguém deixará de derramar as lágrimas. Com certeza é um dos melhores jogos na categoria drama.

O jogo recebeu bastante elogios e tem recebido boas notas dos internautas no site Ero Game Scape, a pontuação gera entorno de 80 que é uma pontuação relativamente alta. O jogo não tem popularidade que merece, por alguns erros da produtora que contarei mais adiante. E também é o jogo que não satisfaz os fãs de jogos da Key visual arts, por simplesmente ser oposto da Key, pois neste o milagre não acontece, diferente dos jogos da Key que as coisas são solucionadas na base de milagre, vide o jogo como Clannad, Kanon e Little Busters!.

Avalie este item
(0 votos)

Começarei fazendo o review de um visual novel chamado de Koi de wa naku - It’s not love,but so where near. O motivo de começar por este é que eu terminei de jogar este jogo ontem. Tem vários outros jogos bem melhores que este, mas como esse está mais fresco na minha mente, então decidi escrever esse primeiro. Para quem não sabe o que é visual novel recomendo que leia este artigo que foi publicado no blog pareceiro o Subete Animes. Lógico como esses jogos são feitos para os japonêses, é difícil pessoas de outros países conseguir ler o que está escrito, sem contar vários tipos de bloqueios de segurança contra pirataria, e também tem vários bloqueios que não permite que esses jogos rodem em sistemas operacionais que não seja em japonês. Mas o hacker não existes a toa, em poucas horas depois de lançamento já tem patch ou crack circulando por ai para quebrar esses bloqueios. Mesmo quebrando todos esses bloqueios e jogue, ninguém responderá nada aqui, como no caso de fansub de animes, já que são obras que ninguém detém direito de comercialização, consequentemente aqui no Brasil não tem o dono para punir os que usam a pirataria desse tipo. Sim, isso muda de história no momento que a obra é licenciado aqui no Brasil. Mas diferente de animes e mangá, infelizmente não conheço nenhuma obra de Visual Novel que foi licenciado aqui no Brasil. Isso tem muita lógica, as empresas que produzem esses jogos não tem poder financeiro suficiente para sair lançando o mundo a fora. Isso é tão verdade que, a cada ano montes de empresas acabam falindo e montes de outras entram nesse mercado. Um dos poucos bem sucedido é o Key Visual Arts. Acho que muitos que estão envolvido nesse mundo já deve ter ouvido sobre essa empresa. Para quem não sabe é a empresa que produziu seguintes visual novels, o Air, Kanon, Clannad e Little Busters!, no qual os três primeiros foram adaptados para o anime, sem contar que no caso do Kanon, foi adaptado pelos dois estúdios de animação diferentes. Além disso foi a empresa que fez o script do anime Angel Beats!.

Você está aqui: Home Visual Novel